Um sistema de gestão da segurança alimentar pode ser suportado pela norma EN ISO 22000 ou por outros referenciais como IFS e BRC. No caso da certificação FSSC 22000 é usada a norma EN ISO 22000, uma norma específica relativa aos pré-requisitos e os "requisitos adicionais" do esquema de certificação. Com a implementação de um sistema de gestão da segurança alimentar obtêm-se os seguintes benefícios:

  • confiança nos processos
  • integração de comportamentos seguros nos Colaboradores
  • garantia de conformidade legal com a legislação de segurança alimentar
  • aptidão para auditorias de Clientes e de Organismos de inspeção
  • acesso a mercados com com este pré-requisito

Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar..

 
Qualidade